quinta-feira, junho 16, 2011

Uma pessoa equilibrada portanto...

Dizem que mulheres com ancas estreitas e ombros largos têm níveis mais altos de testosterona que mulheres com ancas largas e ombros estreitos. Tendo em conta as minhas pernas roliças, as minhas ancas parideiras e os meus ombros estreitos, o meu lado masculino é mínimo.

Isto a nível físico, porque a nível psicológico já não é bem assim: gosto de carros, gosto de música "pesada", gosto de tecnologia; interesso-me por política; não sou muito romântica, e tenho dificuldade em expressar de forma verbal os meus sentimentos. Orgulho-me por ver filmes de terror e não desatar a berrar que nem uma carpideira da Nazaré. Não tenho, muitas vezes, paciência para certos dramas femininos.
Obviamente que também tenho o meu lado feminino, e até é bem vincado: gosto de moda (ou de trapos, como queiram chamar), e... agora não me recordo de mais nada em especial.

Considero-me uma pessoa inteligente e culta, interesso-me por diversas áreas, sou viciada em livros, música, cinema. Defendo os direitos dos animais. Não sou feminista na verdadeira acepção da palavra - acho que merecemos tanto as mesmas oportunidades como os mesmo deveres e obrigações. Sei que sou teimosa e casmurra, mas também reconheço quando estou errada.

Ou seja, sou uma pessoa física e mentalmente equilibrada.
Se assim sou, porque é que me fui meter no design?

4 comentários:

  1. Olha, porque sim. LOL O meu marido é designer e diz o mesmo...hihihi
    Olha e aprendi aqui contigo que sou masculina, ora bolas...

    beijinho

    ResponderEliminar
  2. Tsuri: ahahah, outro desgraçado do design lol
    estou a brincar, eu gosto do que faço, só que por vezes é um pouco frustrante :P

    ResponderEliminar
  3. Olha que boas novidades me deste! Eu que sempre me achei desiquilibrada.

    ResponderEliminar

Gambuzinem