quarta-feira, janeiro 11, 2012

Receita dos Macarons

A pedido de muitas famílias, aqui vai a receita para fazer os Macarons.

Ingredientes para os macarons:
- 3 claras
- 210g açúcar fino
- 125g amêndoa moída
- 30g açúcar refinado
- 1/2c açúcar baunilhado

- Peneirar o açúcar fino e a amêndoa moída.
Este passo é bastante importante, porque é o que vai deixar os macarons com aquela superfície macia. Como tal, eu aconselho peneirar pelo menos 2 vezes tanto o açúcar como a amêndoa. Àquele bocados maiores que ficam no coador, meto na trituradora e volto a peneirar. Se mesmo assim ficarem alguns bocados granulados - que vão ficar - é deitá-los fora ou guardá-los numa caixinha e reaproveitá-los para mais tarde usar;

- Misturar muito bem o açúcar fino com a amêndoa moída;

- Bater as claras até formarem uma espuma branquinha.
Aí, começa-se a colocar o açúcar refinado aos poucos, batendo sempre as claras durante aproximadamente 5 minutos - por norma eu ponho sempre a uma velocidade média - até formarem um picos consistentes semelhantes a um merengue. A meio deste processo, coloca-se o corante alimentar da cor que se deseja e o açúcar baunilhado;

- Depois das claras batidas, misturar o açúcar com a amêndoa com a claras.
Há quem misture tudo de uma só vez, mas eu prefiro ir misturando aos poucos, em 3 ou 4 doses de açúcar e amêndoa. Inicialmente parece que há uma maior quantidade de açúcar e amêndoa em relação às claras, mas há medida que se começa a misturar tudo, bem envolvido, começa-se a criar uma pasta nem muito consistente nem muito líquida, e sem grumos. Após de estar tudo bem envolvido, é necessário ver se se já está com a consistência pretendida. Por norma, retiro um pouco da tal pasta com uma colher de sobremesa, e coloco por cima de um prato ou de um pedaço de folha vegetal, num movimento circular. Se a pasta criar um biquinho que rapidamente desaparece, deverá estar no ponto. Atenção que a pasta não deverá ficar muito líquida.

- Quando já tiver a pasta com a textura ideal, colocá-la no saco de pasteleiro. Num tabuleiro com uma folha de vegetal ou com película de silicone não aderente, criar pequenas nozes com o saco de pasteleiro, com cerca de 2cm de diâmetro. Deverá deixar-se um bom pedaço de espaço entre cada noz, uma vez que eles expandem sempre um pouco.

- Deixá-los repousar o tempo necessário.
Da última vez que os fiz, ficaram a repousar 3 horas na sala, que foi o tempo que precisaram para criarem uma película seca. Devem ficar, assim, num sítio seco e longe de torneiras com água a correr. Convém passar com a ponta dos dedos por cima e de lado dos macarons para ver se já estão secos e se não colam no dedo, meio peganhentos. É por ficarem a repousar que eles vão ficar com aquela película exterior crocante, e com o seu interior fofinho.

- Ir ao forno.
Este passo depende muito do forno de cada um. Primeiro que eu acertasse com a temperatura ideal e o tempo ideal, foi um pouco complicado. Como os macarons são uma espécie de merengue, deverá ir a uma temperatura baixa, porque senão ficam secos por dentro e queimados por fora.
Para o meu forno, o ideal é ir a 140º durante 12 minutos.
Aconselho também não fechar a porta do forno totalmente, usando uma colher de pau para servir de entrave. Se a porta ficar fechada, os macarons vão ficar cheios de rachas e quebradiços, invés daquela superfície lisa.























- Retirar os macarons do forno e deixar arrefecer por completo.
Depois de arrefecidos, retirá-los devagar. Por norma, deverão sair sem qualquer problema, sem ficarem agarrados ao papel vegetal/folha de silicone.















Ingredientes para o recheio de Chocolate (simplificado):
- 100g de chocolate negro ou de leite
 - 50ml de leite

- Partir o chocolate aos pedaços para dentro de uma caçarola, juntamente com o leite.
- Deixar derreter um pouco e depois ir mexendo o chocolate com o leite, até criar um recheio cremoso e brilhante.
























Et voilá!

Não é uma receita díficil, é apenas necessário alguma paciência. E é normalíssimo não se acertar à primeira, nem à segunda, nem à terceira. Mas à medida que se vai tentanto, vai-se aperfeiçoando.

Bons macarons*

9 comentários:

  1. Tenho de experimentar :) Obrigada, querida Karina.

    Beijinho grande

    ResponderEliminar
  2. Quero mesmo experimentar!!! Parecem deliciosos!!! :)

    ResponderEliminar
  3. Tenho de tentar, mas duvido que me safe. Tenho pouca sensibilidade para doces e nem sempre me sai bem. Ainda assim tentarei.
    beijinhos e obrigada:)

    ResponderEliminar
  4. TimTim: de nada ;)

    Ana: de nada! Experimenta e não desanimes se não ficarem bem à primeira ;)

    Há um amor que nunca morre: são tão tão bons :D

    Tsuri: à primeira nunca saem bem, mas é normal. O importante é não desistir ;) ***

    ResponderEliminar

Gambuzinem