segunda-feira, fevereiro 13, 2012

A cleptomaníaca que há em mim

Decorria o mês de Dezembro de 1986, quando a minha mãe decidiu ir às compras comigo, um bebé de um ano, para arranjar roupinhas de Inverno para mim. Isto porque ainda nos encontrávamos na África-de-Sul, onde era Verão, e estavamos a poucas semanas de vir para Portugal viver. Entrámos na loja, a minha mãe sentou-me no banco para crianças do carrinho de compras e lá fomos as duas.

Tudo muito bem até ao momento em que a minha mãe, já no parque de estacionamento ao dirigir-se para o carro para nos irmos embora começa a ver cuecas a cairem do carrinho. Achou muito estranho, uma vez que não tinha comprado cuecas nem sequer via sinais de tal coisa no carrinho. Mais dois passos, e mais umas cuecas no meio do chão. "Que estranho", pensou ela, "de onde é que isto virá?!". Mais um passo, mais um par de cuecas estatelado no chão. Olha para mim, com ar desconfiado, e lembra-se de me puxar para fora do banco.

E lá estavam elas, um molho de cuecas para criança, no banco do carrinho.

Enquanto a minha mãe andava a ver a roupa, sem ela se aperceber, eu ia tirando cuecas infantis dos cabides da loja, levantava-me um pouco e sentava-me em cima delas. Isto tudo feito com uma rapidez e exactidão profissionais, uma vez que a minha mãe apenas tirava os olhos de mim por breves segundos para tirar as roupas dos cabides.

Ainda hoje, passado este tempo todo, sou gozada em casa por este episódio, dizendo que eu sofria de cleptomania-infantil. Eu gosto de pensar que já tinha gosto pela moda. É que segundo a minha mãe, as cuecas eram bem bonitas.


18 comentários:

  1. Mas que bom gosto que tu já tinhas! Sim senhor... :p

    ResponderEliminar
  2. Ah ah ah! Essa está boa! He he he Já me ri bastante... ;)

    Beijinho :)

    **

    ResponderEliminar
  3. hahahaha já tinhas olho para a coisa é o que é! hahahaha
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. ahahah!
    os bebés são sempre tão inocentes, vai se a ver e já fizeram das suas :b
    besito*

    ResponderEliminar
  5. Ahahah, acho que todos passamos por esses episodios =P Eu palmei uma pequena sereia na Disney, ninguém me disse que se pagavam as coisas da loja de souvenirs... =P

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  6. Que esperta, querida Karina! Eheheheh! :)

    ResponderEliminar
  7. Muahahah ainda por cima a roupa interior dá sempre jeito! Tiveste bom olho!

    ResponderEliminar
  8. TimTim: pois, mas deviam desconfiar! LOL

    Catarina: é um dom inato LOL

    ana para os 2 lado: LOOOL uso uso! pois claro que uso! :D

    Blue star: é como dizem "de pequeno é que se torce o pepino!" :P

    D.: nem tu, nem a minha mãe :P

    Lua: a minha mãe adoooora contar esta história! ri-se sempre eheheh

    Tsuri: completamente lolol

    Pipolete: eu quis foi ajudar a minha mãe nas compras... lol

    Pretty in Pink: LOOOOL claro, não explicam essas coisas e estão à espera que a gente adivinhe? :P

    Turista: já em pequena era assim reguila lol ***

    Susi: pois claro, podia ter tirado algo completamente inútil, mas não. Cuecas, que dão sempre jeito :P

    ResponderEliminar
  9. ahahahahah! O que eu me ri...devias ser uma bebé bem fresca :P se as cuecas não tivessem caído estou mesmo a imaginar a vergonha da tua mãe a chegar à saída e aquilo começar a apitar :P

    ResponderEliminar
  10. Ahahah tão nova e já tão espertinha :b

    ResponderEliminar
  11. olá,

    cá para mim querias levar as cuequitas sem ninguém ver.
    : )
    bjs
    fica bem

    ResponderEliminar
  12. Ju: pois, o problema é que as cuecas só começaram a cair já estavamos no parque de estacionamento lolol foi uma sorte aquilo tudo não ter começado a apitar, ninguém iria acreditar que a culpa era minha lolol

    Soraia: lolol sempre fui espevitada ahahah

    LOL aos 40: era muito envergonhada, não queria que vissem a minha lingerie ahahah :P ***

    ResponderEliminar
  13. Hahahahahaha. A fashionista que há em ti revelou-se!

    ResponderEliminar
  14. Ana FVP: desde muito cedo, já viste? eheheh ****

    ResponderEliminar

Gambuzinem