quinta-feira, abril 12, 2012

A arte de dobrar cuecas e meias

De todas as tarefas de casa, uma das que menos gosto é ter de tratar a roupa. O ter de separar a roupa por cores, tecidos e afins, o ter de tirar a roupa da máquina e suportar a cesta até ao estendal, o ter de estender roupa - esta então, é coisinha para eu detestar, tendo em conta que eu, com os meus gigantes 1600mm de altura, tenho que me esticar toda para chegar às cordas - o ter de apanhar a roupa - esticanço corporal, mais uma vez - dobrar a roupa, passar, arrumar. 

É daquelas coisas que, tendo muito dinheirinho, pagava para fazerem por mim. 

No meio disto tudo, tenho uma relação amor-ódio com a tarefa de dobrar roupa interior. Sempre que vejo um Everest de meias e cuecas, rogo pragas por ter de perder preciosos minutos a ter de dobrar aqueles trapos todos. Sento-me e começo a separar tudo. Meias para um lado. Soutiens para o outro. Cuecas para outro. Procurar os pares das meias. Começo a sentir-me mais relaxada, aquilo serve praticamente como terapia. Ponho a mão dentro da meia para a virar para o lado certo e endireitá-la. Aquilo até está a correr bem. Ponho o par de meias em cima do meu colo e começo a enrolar, para fazer a mítica bola. Mas aquilo não sai nada de jeito: as meias não estavam viradas do lado certo. Desenrolo a bola, volto a pôr a mão para endireitar aquela trapalhada. Confirmo que ambas meias estão viradas do lado certo. Enrolo e voilá! A bola está estranha... não está redondinha... está toda desengonçada. Começo a enervar-me, logo no primeiro par de meias. Volto a desenrolar. Volto a enfiar a mão para endireitar tudo. Ponho uma meia em cima da outra e dobro ao meio. Acabaram-se as tentativas de torná-las em bolas totalmente escorreitas. Já ligeiramente irritada, continuo a endireitar as meias e a dobrá-las ao meio. Mas depressa começo a fartar-me de ter de enfiar a mão dentro de toda a meia que me aparece à frente. Começo, então, simplesmente por sacudir e dobrá-las. Já estou farta disto.

Abro a gaveta das meias e começo por arrumá-las muito direitinhas até que chego ao ponto em que tenho mais meias que espaço. Começo por procurar todos os espacinhos que encontro, dobro umas quantas meias em quatro, enrolo outras, até que ter tudo dentro da gaveta. Olho para o lado e vejo 3 meias sem as suas respectivas. Volto a abrir a gaveta e atiro-as lá para dentro. Sem dó, nem piedade. 

Olho para a pilha de cuecas. Reviro os olhos como se alguém me tivesse obrigado a comer uma sardinha com molho de manga. Mas tem que ser e tem que ser, não há volta a dar. Endireito a cueca, e dobro em 3, pelo menos as que dão para dobrar desta maneira. À cueca fio dental ainda tento, em vão dobrar - acaba por ir parar inteira para dentro da gaveta. E depois ainda há os soutiens, tendo apenas o cuidado de não virar a copa para dentro. 

No final disto tudo, sinto-me como se tivesse ido correr uma meia-maratona com sapatos de salto alto. 

Está bem claro que a minha vocação neste mundo não passa em ter uma lavandaria. 




14 comentários:

  1. Há momentos em que me acho metódica e perfeccionista... H+a outros que não... Depois das meias estarem enroladas na bola, se estiverem desengonçadas, azar! Jamais as tiraria da bola três vezes até acertar :)
    Eheheheh

    ResponderEliminar
  2. É o Fuschio que fica com esse trabalhinho. Meto-lhe o monte no sofá e ele dobra enquanto vê televisão :P

    ResponderEliminar
  3. Querida Karina, mas tens uma gaveta toda janota e colorida! E arrumadinha, sim! :)

    ResponderEliminar
  4. Confesso que até gosto de dobrar a roupa, para estender não tenho problema, porque o meu prédio não tem cordas (sabe filha não é chiqueeee dizem), portanto tenho daqueles estendais desdobraveis. Agora passar a ferro?????? NEM PENSAR NISSO, ainda tentei uma ou duas vezes, mas assim que vinham as camisas dele, esquece, encontrei uma senhora bem fofinha que vai buscar e levar a roupa e por um preço simpático até os lençois me passa:-)

    ResponderEliminar
  5. Quem me dera a mim que a minha gaveta estivesse assim tão perfeitinha xD

    ResponderEliminar
  6. Perfeito este Post identifiqueime tanto ao ler isto que soltei tres ou quatro gargalhadas. So nao tenho soutiens porque a parte das meias é igual
    Estou a seguir este cantinho, visita o meu também

    ResponderEliminar
  7. Eu as meias é juntar o par bem direitinho, dobrar ao meio e passar uma meia pela outra. [acho q é como fazes no teu 2ºexemplo].
    Hoje vi numa lojinha uns separadores que davam para as gavetas, para essa seria perfeita, assim podia dividir as coisas.

    ResponderEliminar
  8. Sou super organizada e afins. Vais à gaveta do Tsuripo e vês tudo dobrado direitinho e bem arrumado. Mas com as minhas coisas esquece. Não entendo o porque, nunca entendi. A minha mãe diz que sou estranha, o meu homem acha piada e até já usamos uns gestos para definir a forma como coloco a minha roupa no sitio (em rodilha:p) loool
    Enfim...tola!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Catarina: como um par de meias me tira do sério! LOLOL

    M a f a l d a: por acaso! eheheh ***


    Fuschia: o gambuzino de vez em quando tambem faz isso... mas por vezes tenho de ser eu a fazer... ora bolas! :P

    Turista: oh, a gaveta da imagem não é minha... antes fosse! :P

    Vânia: passar a roupa... iack!

    Ana João: também eu gostava! :D

    MisterCharmoso: ahahah seria um pouco estranho teres soutiens :P

    Cátia: sim, no ikea tem umas coisas dessas... estou tentadíssima em arranjar :D

    Tsuri: por aqui acontece o mesmo! É o caos lolol

    ResponderEliminar
  10. e eu a pensar que andavas com isso tudo tigresa, mas ja li que nao LOL
    bju*

    ResponderEliminar
  11. Ѕο, ωhat оn the button is Aurawave in any case, and sincе so,
    the results are vаst ωhen it соmes to painfulness reliever haѕ several advantageѕ.
    My weblog : anonymous

    ResponderEliminar
  12. Ѕo, whаt on the button іѕ
    Αuгawaνe in anу case, and sinсe sο,
    thе resultѕ aгe vast when it
    сomеѕ to painfulneѕs гelieνer has ѕeverаl advantages.
    Also see my site: anonymous

    ResponderEliminar

Gambuzinem