quarta-feira, outubro 17, 2012

Coisas que me passam pela cabeça

De vez em quando penso nisto. Pego numa fotografia minha em que eu esteja mais de perfil, abro-a no photoshop e trato de fazer uma simulação para ver como fico. Não desgosto do resultado, mas acabo por apagar e nem gravar o resultado final. Fica apenas na minha memória a guardada essa imagem e a ideia. Passado algum tempo, volto a pensar e a fazer o mesmo, sempre com as fotos mais recentes que tiver.

O problema é que eu sou daquelas pessoas que quando mete uma coisa na cabeça, muito dificilmente a irá largar até a concretizar. Não descanso até ver o resultado pretendido, se bem que nalgumas coisas dou algum tempo a mim mesma para reconsiderar se será mesmo esse o objectivo final. Foi assim com a tatuagem, por exemplo. Andei anos a pensar que queria uma, e a ideia nunca desapareceu da minha cabeça, chegando ao ponto em que eu sabia perfeitamente que queria mesmo fazer. E fiz. E vou fazer mais duas.

Portanto, a ideia seria fazer um piercing no nariz. Uma coisa pequenina, que quase não se notasse.
Gosto de ver nos outros, mas não sei se iria gostar de ver em mim. Para grande felicidade da minha mãe - presumo eu -, ainda estou na fase do dar-algum-tempo-para-perceber-se-realmente-quero-fazer-isto.
A ver vamos.


15 comentários:

  1. ahahah! Pode dizer-se que és de ideias fixas! =P
    Beijinho grande*

    ResponderEliminar
  2. De repente, pela foto, pensei que seria pintar o cabelo de laranja avermelhado e adorei!!!! Sei lá porquê! Provavelmente era o que faria para aquecer os meus dias nessa terra fria e cinzenta!

    Mas também gosto do piercing. Mas para mim não dá! Sou muita ranhosa!!

    Jinho

    ResponderEliminar
  3. É pah, mais valia pintar o cabelo de vemelho. Não tenho nada contra piercings, mas fazer um buraco no nariz é demasiado definitivo, para o cabelo há sempre uma camada de tinta por cima ou deixá-lo crescer e voltar a cortar. Sinceramente nunca acho boa ideia fazer estas coisas tão definitivas, como pôr uma tatuagem num sitio em que não consegues tapar...

    ResponderEliminar
  4. De facto é um acessório que fica muito giro. Mas lá está, é como dizes... ver nos outros e depois em nós pode sempre ser diferente.

    ResponderEliminar
  5. eu não sou fã desse acessório! mas gosto da tua postura de amadurecer ideias!

    ResponderEliminar
  6. Olha eu já tive um mas infelizmente infectou e tive que o tirar.. =S

    Gostava tanto de o ter, fica tão giro =)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  7. Entendo-te. Escrevo com conhecimento de causa. Também passei por essa fase, quando pensei em fazer a tatuagem. Afinal, é algo que "carregamos" para "sempre". Pensei bem nos prós e contras, mas no final, fiz. Pois era algo que queria mesmo. O mesmo aconteceu quando fiz o piercing no umbigo, depois na língua e por último no nariz. Já tenho para lá de anos, nunca condicionou a minha vida. Tanto pessoal como profissional. Também sou muito discreta com os adereços. Não ando para aí só porque sim com o umbigo à mostra, ou a mostrar a língua. No nariz, é um brinco super discreto que praticamente nem se dá por ele. Somente se estou no perfil correcto e com atenção. Porque senão, passa bem despercebido. No entanto, são adereços que não me vejo sem eles. Porque de facto têm que haver com a minha personalidade, sim. ;)

    ResponderEliminar
  8. Gosto de ver mas fico sempre a pensar se me ficaria bem :) É normal estares indecisa, felizmente tens tempo de sobra para tomar uma decisão :)

    Beijinho ^^

    ResponderEliminar
  9. De repente pensei que era o tom vermelho do cabelo e pensei: que grande coragem :p
    Algo que sempre quis e nunca consegui -_-
    Um dia vou cometer essa loucura hihihih

    ResponderEliminar
  10. Adoro piercings no nariz, são os meus preferidos :D Mas sou demasiado medricas para fazer um xD para além de não saber se me iria ficar bem...por acaso acho que tenho um nariz jeitoso xD mas, como disse, sou muito medricas xD

    ResponderEliminar
  11. força! eu tinha imenso medo de fazer um piercing no umbigo por ser gordinha... ganhei coragem, fiz e não me arrependo!

    ResponderEliminar
  12. No nariz não faria, mas na parte de cima do lóbulo da orelha seria a perdição ;)
    Até já postei uma foto com um brinco lindo que não me importaria nada de usar!

    ResponderEliminar
  13. Catarina: lol sim, pode dizer-se isso :P

    ana para os 2 lados: ahh, mas eu já tive o cabelo com este vermelho! Não no cabelo todo, numas madeixas atrás, e era bem giro lol Mas pronto, em relação ao piercing... tenho de pensar bem! :D

    Miss Pipeta: pois, por isso é que eu gosto de pensar bem nestas coisas. Eu não me arrependo nada da tatuagem, até porque quero fazer mais duas :)

    Viagem com tudo incluído: é verdade... nem toda a gente fica bem de amarelo ne? :P

    Roxanne: eu gosto, mas tem de ser pequeno. Não gosto de cachuchos nem de argolas :P

    Cláudia: óhhhh, isso é mais chato :/

    A Minha Essência: em relação à tatuagem, eu gosto muito mesmo! O piercing no nariz é que é aquela coisa, tenho medo que não fique bem...

    Pi Maria: é exactamente essa a minha dúvida... caneco! :P

    PinMe Up: já tive umas madeixas desta cor, ahahahah opah, tenho de pensar bem no assunto...

    IceQueen: lolol então, se tens um nariz jeitoso, é capaz de te ficar bem :D

    D.Pereira: mas no umbigo está mais escondido eheheh mas fizeste bem :)

    B.Cérise: na cartilagem? eu tenho aí e gosto muito :D

    ResponderEliminar
  14. Não é uma coisa que alguma vez tenha tido vontade de fazer (a menos que me obrigassem, seria difícil) mas tenho várias amigas que têm e é mesmo discreto. Além de que, pelo que me dizem, caso não gostes de te ver com ele, basta deixares o furo fechar porque é mesmo rápido.

    O cabelo vermelho já tive e adorei. :)

    ResponderEliminar
  15. Raquel Úria: por acaso não tinha noção se fechava rapidamente ou não. É bom saber isso :)

    ResponderEliminar

Gambuzinem