segunda-feira, agosto 19, 2013

A polémica da Judite

Eu não gosto da Judite, nunca gostei. Acho-a demasiado parcial para jornalista, está sempre a interromper as pessoas que entrevista e acha-se muito moralista. Isto tudo aliado ao facto de falar como se fosse um GPS estragado para pessoas que tiveram derrames cerebrais, faz dela, a meu ver, uma autêntica vergonha como profissional do jornalismo. E esta entrevista com o Lorenzo é a prova provadíssima disso. Ele até pode ser fútil, não sei, não o conheço pessoalmente. Mas concordo quando ele diz que ele não tem a obrigação de ajudar ninguém. O dinheiro é dele e/ou da sua família, dos seus negócios privados, ao contrário de uma boa parte do dinheiro que a senhora Judite deve ter por ter trabalhado tantos anos num canal público - mera especulação minha. Independentemente disto tudo, acho triste escolherem alguém só porque tem dinheiro numa altura de crise, para o humilhar descaradamente.

Mas acima de tudo, o que me faz confusão é: onde é que isto é, alguma vez na vida, notícia, ainda para mais para transmitirem no jornal da noite? Querem lá ver que ele é o primeiro rapaz do mundo que estoira o dinheiro da sua família como quer e bem lhe apetece porque, francamente, ninguém tem nada a ver com isso, o dinheiro é deles. Porque conhecia a Pamela Anderson? Porque tem um Ferrari? Ou objectivo era criarem um género de guerra civil entre aqueles que, infelizmente, estão a sofrer com a crise e aqueles que, felizmente, não?

Jornalismo mau, vergonhoso, repugnante.

22 comentários:

  1. Ainda não percebi qual o interesse naquele indivíduo. É mais um menino rico que dá nas vistas. Não há razões para o entrevistarem. Só podia sair porcaria daquele confronto ridículo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo contigo. Mas apesar de tudo, acho que ele foi muito superior a ela.

      Eliminar
  2. Nem sei porque é que ele lá foi. Não é ninguém nem faz nada de útil à sociedade.
    Se eu acho que é de muito mau gosto ele andar nas revistas todas a mostrar o dinheiro que tem e como o gasta de forma ridícula, numa altura em que muita gente não tem comer na mesa ou até mesmo casa? Sim, acho mas o dinheiro é dele e não tenho nada com isso.
    E ela que ganha um exagero para a porcaria de jornalismo que faz, porque não ajuda também os outros? De certeza que pode, ganha quase 30 mil euros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim não me incomoda minimamente que ele ande a mostrar o dinheiro que tem ou deixa de ter. Ainda bem que ainda há gente com dinheiro e que não sofre com a crise. Mas não percebo qual é o interesse nele, sinceramente.

      Eliminar
  3. Tanto quanto percebi, o intuito era mesmo esse, aparecer nas revistas e televisão, passar a ser um socialite por assim dizer. Ora nada contra, se o moço tem dinheiro, ou a família, e não se importa de o gastam em farras e em bens materiais, porque não? porque raio temos nós de nos importar? o dinheiro é dele... Aquela Judite saiu-me cá uma espécie. Nunca gostei da mulher, acho-a péssima entrevistadora, interrompe as pessoas, não as deixa expor as ideias e tenta levá-las SEMPRE para o sei lado porque SÓ ELA é que tem razão. Credo credo.

    [DESABAFOS E COISAS]

    ResponderEliminar
  4. Concordo, concordo, concordo! Para além de fazerem daquilo notícia, ainda o foram chamar para uma entrevista?... Dar-lhe tempo de antena em horário nobre? Não tenho nada contra ele, até me pareceu ser "bom" rapaz, mas daí a aparecer no telejornal apenas por ter dinheiro... E a postura da Judite foi, de facto, muitíssimo exagerada. Fazer juízos de valor não fica bem a ninguém.

    ResponderEliminar
  5. O rapaz esteve muito melhor que ela, que primou pela indelicadeza, falta de profissionalismo e imparcialidade.

    ResponderEliminar
  6. Também achei um momento completamente deprimente. Ela esteve muitíssimo mal no seu papel e entretanto louvo o rapaz que fútil ou não,durante toda a entrevista/ataque, manteve sempre uma certa compostura.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, tendo em conta a tristeza de entrevista que foi, ele manteve sempre uma certa compostura.

      Eliminar
  7. Respostas
    1. A senhora já deve ter as orelhas bem quentes lol

      Eliminar
  8. Assino por baixo.

    Também nunca gostei da Judite o.O

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também não, não devia ser pivot de telejornal!

      Eliminar
  9. Respostas
    1. Sim, também senti um pouco daquela vergonha alheia... credo!

      Eliminar
  10. Pensei o mesmo, o dinheiro é dele (e da familia, vá) e ninguém tem nada a ver com isso! Se eu gostava de ter todo aquele dinheiro? claaaro! mas daí a ter tempo de antena no telejornal... E da Judite nem vou falar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh yes, eu também gostava de ter aquele dinheiro todo mas ir ao telejornal só porque tenho ou não dinheiro vai um grande passo.

      Eliminar
  11. Concordo inteiramente com o teu post. Não costumo ver esse Jornal mas vi a entrevista na net. E achei vergonhoso, não só pela forma como foi feita a entrevista, como pela petulência e arrogância da sô dona Judite como também pela tentativa de humilhação do rapaz.
    Mas isto de certo modo mostra o estado a que chegou este país. :(


    bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também vi pela net porque já não tenho paciência para ver telejornais - prefiro ler os jornais. E a entrevista foi realmente vergonhosa, ainda mais do que é normal para a Judite.

      Eliminar

Gambuzinem