terça-feira, novembro 05, 2013

Ver e ser vista (ou as desculpas que uma mulher arranja para ir às compras)


Estou cada vez mais cegueta. Para além de precisar de usar cada vez mais os óculos, já não vejo muito bem com as actuais lentes. Mesmo com eles postos, passo a vida a cerrar os olhos ligeiramente para tentar focar melhor. Por isso, enquanto não chega o dia da minha consulta de oftalmologia (em que vou falar no uso de lentes de contacto porque este clima chuvoso não é assim muito compatível com óculos), e porque andar na rua sem ver muito bem trás riscos atrás de riscos (andar contra as coisas, contras as pessoas, ir contra carros, carros irem contra mim, não encontrar o Gambuzino ao longe, etc, etc), decidi comprar um gorro fluorescente. Cor-de-rosa fluorescente, um mimo. Posso não ver ninguém, mas todo mundo vê-me a léguas, de dia e de noite.

11 comentários:

  1. O que se quer é gente capaz de contornar as situações! Acho que o gorro foi uma excelente opção :D

    ResponderEliminar
  2. Ahahaha muito bom! é uma boa táctica. eu que também sou bastante cegueta, fiz mal ter comprado ha dias um cinza, devia ser fluorescente também....

    [DESABAFOS E COISAS]

    P.S.: Vê os meu ultimos posts: ♥ Today is a new Day ♥ e ♥ New Toy ♥

    ResponderEliminar
  3. Ora aí está uma solução airosa para o problema!

    ResponderEliminar
  4. Eu também estou cada vez mais cegueta mas, infelizmente, andar com gorros de cores fortes não me ia tratar do assunto de ver bem xD

    ResponderEliminar

Gambuzinem