sexta-feira, dezembro 13, 2013

Não sendo supersticiosa...


A verdade é que acabo por ser um pouco com as sextas-feiras 13. É um dia que não gosto. "E não gostas porquê, Gambuzina?", perguntam vocês. Então passo a explicar: desde aquela fatídica sexta-feira 13 em que eu, com os meus 10 anos, era uma mera espectadora e levei com uma bola de volleyball na cara, e em que roubaram o pau que trancava a minha cesta de vime para levar o almoço para a escola e, sem me aperceber disto, quando fui para agarrar na pega para ir embora, a cesta abre-se, cai tudo ao chão, o pudim de chocolate que devia ter comido ao almoço aterra nos meus pés, desfazendo a embalagem e sujando tudo e mais alguma coisa, que não acho grande piada a este dia.
Vá, pronto, é mais trauma de infância que superstição.

6 comentários:

  1. Calma, já foi há muito tempo! Este é só um dia como outro qualquer :)

    ResponderEliminar
  2. AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAA!!!!! Essa era muito comum, o fatídico roubo do pauzinho :P

    ResponderEliminar
  3. Bem, isso é que foi azar :p
    Por acaso só me costumo aperceber que é sexta 13 já no fim do dia, por isso acabo por nem pensar no assunto ou em superstições. Este ano foi a excepção...desde que acordei que me apercebi que era dia 13 :p mas pronto, logo a seguir esqueci.
    Tenho de admitir que tenho alguns hábitos no meu dia-a-dia (p.ex: tenho uma 'castanha da sorte' - chamo-lhe isso, mas não sei o nome certo - que anda sempre comigo na mala porque um dia deixei-a em casa e correu tudo mal!) e quando falho sinto-me insegura! No fundo, o meu pensamento é como aquela famosa frase espanhola sobre as bruxas :p*

    ResponderEliminar
  4. hahahaha ri-me com o teu post. Pobre criancinha =)

    ResponderEliminar
  5. Para mim, a Sexta-feira 13, foi significado de gastar 115€ em novas lentes com a graduação aumentad :( Maldita miopia!

    ResponderEliminar

Gambuzinem