segunda-feira, outubro 13, 2014

Não aos rabos ao léu

Eu, Karina sem acento, venho por este meio pedir encarecidamente às variadas lojas demasiado forretas para investirem em portas nos provadores, que ao menos coloquem cortinas suficientemente largas nestes espaços. Atenção, eu não peço por essa coisa tão maravilhosa e revolucionária que é a porta, apenas por umas cortinas que sejam suficientemente largas de modo a que não seja necessário perder meia hora a puxar para um lado e ver que o outro ficou com uma abertura de 30cm, puxar a outra extremidade e ver que que o outro lado ficou aberto e assim consecutivamente até chegar à conclusão que a cortina não é suficientemente grande e que para experimentar o par de calças vai ter de ser necessário mostrar o rabo a quem estiver no corredor dos provadores.
Por estes morivos, agradecia que repensassem nesta questão dos rabos ao léu nos provadores à conta das cortinas pequenas. Se quisesse mostrar o rabo a partir de uma cabine, ia para a Red Light District em Amsterdão.
E, não querendo abusar, gostaria pedir igualmente para não usarem cortinas tão pesadas: já não basta serem pouco largas, ainda por cima é preciso comer um boi (e eu que não como carne) para conseguir puxá-las.

Obrigada,
Karina sem acento

10 comentários:

  1. Até que enfim alguém que fala disto.

    ResponderEliminar
  2. Não comes carne? Podias começar a partilhar algumas dicas ou refeições que tomes :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não como carne mas como peixe (se bem que como mais vegetariano que peixe). Mas é uma ideia, a que dás ;)

      Eliminar
  3. E quando as cortinas estão presas num varão muito alto e resolvem não andar ao longo do mesmo quando puxamos? Eu pareço uma totó a dar saltinhos e a puxar a cortina! :S

    ResponderEliminar
  4. Estou contigo! Será que dá para entregarmos abaixo-assinado? :P

    ResponderEliminar
  5. Estamos em época de contenção de gastos:-))

    ResponderEliminar
  6. É das piores coisas que me podem fazer numa loja. Já cheguei a entrar no provador, puxar para um lado e para o outro e ver que o tecido não chega e ter que ir embora sem experimentar nada, sob a pena de ficar ali despida para quem passar e quiser ver :(

    ResponderEliminar
  7. LOOL Contenção de custos :P dá nisso!

    ResponderEliminar
  8. Uma mudança faz-nos sempre bem! Força
    Gostei do segundo ;)

    ResponderEliminar
  9. PS: este comentário é para o post de cima, ups!

    ResponderEliminar

Gambuzinem