quinta-feira, março 05, 2015

Decisão de última hora

Vou deixar de ler as notícias. É que vou mesmo.
Em dez minutos que estive hoje de manhã a pôr-me ao corrente das notícias, leio que o primeiro-ministro pensava que pagar a segurança social era opcional (já dizia Jorge Palma "deixa-me rir!"), o antigo primeiro-ministro, preso por "suposta" corrupção diz do actual que está muito próximo da miséria moral (e a moral que esta gente tem toda para falar uns dos outros é impressionante), um inspector da PJ suspeito de fraude e corrupção, um director e um responsável da segurança social também eles detidos por corrupção, as finanças que penhoraram alimentos doados a associação de apoio a família carenciadas... E isto só em dez minutos, se tanto. Só desgraças, só pessoas a quererem atropelar uns aos outros, sem ver meios para atingir os fins.

Dizem que a ignorância é uma benção e eu vou começar a viver abençoada. É isso. É isso mesmo. 
Como se eu alguma vez conseguisse...

7 comentários:

  1. Isso tens razão, uma pessoa lê as notícias e é só destas coisas!! Deixa te estar mas é na ilha :)

    ResponderEliminar
  2. estou ctg! não há pachorra para essa cambada de corruptos!

    coisasquetaiseafins.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. As notícias giram, todos os dias, à volta dos mesmos assuntos. Normalmente corrupção em altos cargos e futebol. Seja como for vou sempre á procura de algo que me deixe feliz.

    ResponderEliminar
  4. Eu não tenho prestado muita atenção às notícias e prefiro assim :)

    ResponderEliminar
  5. eu quero fugir daqui! sorte tens tu, não leias nadinhaaaaa ;)

    ResponderEliminar
  6. Olha agora é que disseste umas belas verdades!
    Viva a ignorância :b Que raio.

    ResponderEliminar

Gambuzinem