quinta-feira, maio 21, 2015

Conversa de doidos

Ele, para mim: olha, [aquele edifício] está todo verdinho...
Eu: o que é que está verde?
Ele: está verde.
Eu: mas o quê?
Ele: está verde!
Eu: que está verde já eu percebi, mas o que é que está verde?
Ele: o edifício está verde! Era o que eu estava a dizer, que o edfício está verde!
Eu: bolas, há meia hora a perguntar o quê e tu nada. Eu tinha percebido à primeira que estava verde, só não tinha percebido o quê.
Ele: pois... tu nunca me compreendes...

Homens...

8 comentários:

  1. Ahahaha olha que realmente assim é difícil perceber o homem coitado :)

    ResponderEliminar
  2. eheh falam por meias palavras e depois dizem que somos nós!

    ResponderEliminar
  3. Epah eu acho que eles às vezes se esquecem que não são de facto telepáticos. Acontecem-me imensas vezes fazer uma pergunta e ter que pedir 2 ou 3 vezes a resposta que vem sempre num "outra vez? já tinha que sim!" quando não chegou cá nada..

    ResponderEliminar
  4. Conversas que nos deixam verdes...

    ResponderEliminar
  5. Ás vezes também tenho dificuldade em entender o que o senhor que habita lá em casa diz... :-) ou melhor, entendo... ele é que acha que não...

    ResponderEliminar
  6. Ui! parece alguém que eu cá sei. Uma pessoa até fica com os nervos em franja!

    ResponderEliminar
  7. Que dois ahah
    Às vezes também tenho conversas de doidos :p

    ResponderEliminar

Gambuzinem